Arquivo de maio, 2015

Desmitificando as Stats

Publicado: 17/05/2015 em poker

Olá Pessoal, tudo certo ?

Resolvi escrever um pouco hoje sobre as famosas STATS, ou seja as informações estatísticas fornecidas por um software.

Primeiramente usar esse tipo de recurso não é nenhuma novidade, nem exclusividade. Muitos esportes e jogos são analisados a décadas através dos números e estatísticas. Desde um complexo jogo de xadrez até um simples cara e coroa já foram estudados exaustivamente.

Mas qual a real necessidade de usar um Tracker?  Ou seja um programa que grava as estatísticas dos jogadores, e mostra em tempo real nas mesas através do HUD.

Bom vamos começar do início, desde o surgimento do que vou chamar de “poker moderno”.

Logo que as salas de poker foram evoluindo os seus softwares, e com isso permitindo cada vez mais que os jogadores aumentassem o número de mesas que jogavam simultaneamente, foi percebido a necessidade de utilizar alguma ferramenta de apoio, a principio que pudesse gravar todas aquelas mãos jogadas para depois serem analisadas posteriormente.

A partir disso, os próprios jogadores de poker, muitos que já eram programadores começaram a desenvolver tais ferramentas que iriam ajudar aos grinders a ter um melhor desempenho analisando seu jogo. Algum tempo passou até o surgimento dos HUDs, que mostravam algumas informações diretamente nas mesas. Nada mais que o registro de algumas jogadas que eram realizadas, como por exemplo quantas vezes um jogador dava raise pré-flop.

Com o volume de jogos explodindo na internet, aqueles jogadores que só jogavam uma mesa ao vivo, ou estavam iniciando online, com no máximo 2 ou 3 mesas, sentiram uma dificuldade crescente de acompanhar toda a ação que rolava em todas as mesas que estavam jogando, e  HUD se tornou um recurso para anotar toda aquela atividade, e não só isso, ele poderia salvar aquelas informações e depois criar relatórios elaborados para análise do jogo.

Eis que o material de estudo do jogo do poker, que era restrito a poucos livros já obsoletos, começou também a explodir na internet com muitos artigos, vídeos, fóruns de discussões, etc. BOOM era a real mudança no mundo do poker, um jogo cada vez mais dissecado, formulado e teorizado.

Mas como toda novidade, não foi aceito por muitos e não foi tão popularizado como nos dias atuais. Isto demorou alguns anos e até hoje ainda é questionado por alguns, mas já aceito como indispensável pela grande maioria. Ou seja se você almeja ser um grande jogador de poker online, SIM, precisa saber usar um software estatístico.

Resistência: Ao longo dos anos estes mesmos softwares também foram evoluindo, e proporcionando cada vez mais informações e avanços no estudo do poker, junto com isso o nível dos jogadores que estava estudando isso consequentemente também avançou drasticamente. Até o ponto que esses jogadores começaram a se sobressair no cenário mundial, chamando atenção para qual seria seu diferencial em relação aos outros, e então começou uma certa corrida atrás do material que estava lá disponível, mas que poucos usufruíam.

Parece um pouco lógico, se a ferramenta existe, está lá para ser usada, e eu não uso, provavelmente quem usa está obtendo uma vantagem sobre mim. Certo?

No primeiro momento essa é uma verdade absoluta. A questão relacionada é que simplesmente eu não posso instalar e começar a usar, eu tenho que aprender a usar, estudar profundamente para poder avaliar realmente se irá fazer diferença. E ai veio o ERRO de muitos jogadores, até profissionais que por uma certa preguiça em querer se aprofundar no assunto, simplesmente achou muito complicado ou irrelevante num certo momento, já que até aquele momento era lucrativo sem nunca mesmo ter usado a ferramenta.

A grande maioria realmente só veio a aceitar quando começou a perder dinheiro, ou ao menos ganhar bem menos do que estava ganhando, visto que a evolução dos seus adversários estavam sendo muito mais rápida que a deles, e assim estavam fazendo mais dinheiro.

Cenário atual: Bom nos dias de hoje o HUD é praticamente indispensável a quem joga poker em alto nível, ainda existem vários profissionais que não usam as estatísticas, seja por serem alguns super jogadores com uma habilidade de percepção extraordinária, que muitas vezes jogam os limites mais altos e consequentemente poucas telas simultâneas, o que os fazem conseguir prestar a atenção necessária em cada ação. Ou até mesmo os que ainda tem alguma resistência, não tem interesse e acreditam que seu lucro ainda é bom mesmo sem usar essa ferramenta.

A questão principal é que realmente, se você não entende e não aprende a usar bem o software, isso vai mais te atrapalhar que ajudar. E essa é a grande desculpa da maioria dos resistentes, O software me atrapalha!

Eu digo isso com plena certeza que a grande maioria que diz isso realmente nunca estudou a fundo as funcionalidades dos programa. A velha desculpa é imagine jogando ao vivo, onde não tem HUD como vai fazer? Por isso eu não uso.

Bom se compararmos ao live game onde jogamos 1 mesa, menos de uma mão por minuto, podemos ver todas as reações de cada jogador. Realmente eu consigo registrar quase tudo em minha cabeça.  Agora comparar a um jogo muito mais rápido online, onde estou em 6 ou mais mesas, jogando 10 ou mais mãos por minuto, realmente precisa ser um prodígio para assimilar tudo perfeitamente, coisa que o software faz sem errar.

Então quando me perguntam se o HUD é realmente importante eu digo SIM. Se você quer levar o poker a sério, pretende ser um profissional em um mercado cada vez mais disputado tem que aprender a usar isso. Agora se é um jogador recreativo, que joga de vez em quando, uma ou duas mesas, esqueça, concentre-se bem na teoria do jogo que vai ter mais resultado.

A ferramenta só irá lhe atrapalhar se não sabe como manuseá-la. É simples assim.

Espero que tenham gostado desse artigo e boa sorte a todos nas mesas.

Anúncios